segunda-feira, 10 de julho de 2017

Com gol aos 45 do 2° tempo, Parnahyba perde no litoral

No primeiro confronto da segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, o Parnahyba recebeu o Globo, do Rio Grande do Norte, na tarde deste domingo (09), no Estádio Pedro Alelaf, e perdeu por 3 a 2, com o time potiguar marcando o gol da vitória no último minuto do tempo regulamentar. A inesperada derrota agora vai obrigar o vice-campeão piauiense a vencer fora de seus domínios, por dois gols de diferença, ou pro vantagem mínima a partir de 4 a 3.
Imagem: MN
Confirmando a boa fase que atravessa, o Globo sempre esteve à frente do marcador. No primeiro tempo, Gláucio abriu a contagem, mas o Parnahyba logo empataria numa jogada infeliz do lateral direito Ângelo, que marcou contra suas próprias redes. No segundo tempo, Gláucio voltou a marar para os visitantes, enquanto Fabinho empatou aos 34 minutos.

Na marca de 45 minutos, o Parnahyba teve um escanteio a seu favor. A defesa aliviou o perigo, dando início a um contra-ataque fulminante, que culminou no gol de Dênis, colocando a bola por cobertura, na saída do goleiro Beto. Final em Parnaíba: 3 a 2 para o Globo. O jogo de volta acontecerá no próximo final de semana.

FICHA TÉCNICA

PARNAHYBA 2x3 GLOBO-RN (Campeonato Brasileiro de Futebol - Série D - 2ª fase - 1° jogo - Grupo B06); Data: 09/07/2017 (domingo à tarde); Local: Estádio Pedro Alelaf (em Parnaíba - PI); Arbitragem: Leo Simão Holanda, auxiliado por Naílton Junior de Sousa Oliveira e Anderson Moreira de Farias (todos do Ceará).

Renda: R$ 14.400,00.

Gols: Gláucio (cabeça) 42 e Ângelo (contra) 44 do 1° tempo; Gláucio 15, Fabinho 34 e Dênis 45 do 2°.

Cartões amarelos: Tiago Lima (GLO). 

Parnahyba - Beto; Thiago Granja (Dênis), Gilmar Bahia, Renan e Berg; Ramón, Rafinha (Tininho), Luciano (Dunga) e Jefferson Maranhense; Jânio Daniel e Fabinho. Técnico: Vladimir de Jesus.

Globo (RN) - Rafael; Ângelo, Negretti, Jamerson e Renato Carioca; Reinaldo, Erick, Tiago Lima e Renato Potiguar (Victor); Romarinho e Glauco (Dênis).  

Fonte: Buim