sexta-feira, 30 de junho de 2017

Florentino apresenta projeto do novo HEDA de Parnaíba

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, recebeu nesta quinta, 29, o deputado estadual Zé Hamilton, o presidente da Zona de Processamento de Exportações (ZPE), Paulo Cardoso; e o ex-secretário de Saúde, Mirocles Veras; para apresentar o projeto de reforma e ampliação do novo Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba.
O novo Heda vai dobrar a capacidade de atendimento, que atualmente conta com 120 leitos, entre comuns e de terapia intensiva. A nova estrutura vai contar com 240 leitos, sendo que 30 serão destinados para Unidade de Terapia Intensiva (UTI), entre adulto e neonatal.  Além disso, o Hospital terá seis salas de cirurgia, cinco salas de obstetrícia e nova ambiência na urgência e emergência.

Na apresentação, o secretário apresentou as maquetes, mostrando um ambiente diferenciado, agregando ao Heda uma nova unidade hospitalar e que terá espaços e equipamentos para atividades de ensino e aprendizagem. 

Atualmente, o hospital realiza atendimentos em várias especialidades médicas, como ortopedia, neurocirurgia, obstetrícia e neonatologia. Em média, são realizados 22 mil atendimentos na urgência e emergência, com pico de até 27 mil. 

O deputado Zé Hamilton reconheceu os avanços do Heda e que com a nova estrutura “Parnaíba será efetivamente um polo de saúde e educação”, disse. 

Fonte Secom

BURITI DOS LOPES: Júnior Percy acompanha serviços de recuperação de estradas da zona rural

O prefeito Júnior Percy, o secretário municipal de agricultura e o vereador Zé Filho do Estreito, acompanharam nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (30), o trabalho das máquinas na recuperação das estradas que dá acesso aos campos de arroz da “Bonita” na zona rural do município.
A ação beneficiará os assentamentos, Iracema, Salgado e região. “Nossa principal preocupação é com os produtores rurais que necessitam escoar a produção de suas safras e os munícipes que dependem das boas condições destas vias pra se locomoverem” disse o prefeito.


Fonte: Ascom

Seduc convoca 400 aprovados em concurso de 2014; veja a lista

Decreto para nomeação de professores e nutricionistas
A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) convoca 400 aprovados no Concurso Público Edital nº 0003/2014 e que teve validade prorrogada para o final de 2018. Os convocados, entre professores e nutricionistas, devem comparecer às Gerências Regionais de Educação (GREs) ou na Coordenação da Seduc do dia 3 a 7 de julho. Já foram convocados 1.140 concursados e quase mil aprovados ainda serão chamados neste ano.
"A grande maioria são professores de matérias como português, matemática, química e física em todas as regiões do Piauí, trabalhando para que as escolas tenham seus quadros profissionais completos e possam ofertar uma educação de qualidade", diz a secretária da Educação, Rejane Dias.
OS candidatos convocados devem aparecer às GREs conforme endereço disposto na relação dos convocados, ou na Coordenação de Cadastro/UGP da Seduc, situada na Avenida Pedro Freitas S/N, blocos D e E - Centro Administrativo, do dia 03 a 07 de julho de 2017, das 8h às 12h, munidos dos documentos originais e cópias, abaixo:
01. Cópia da carteira de identidade, CPF e PIS/PASEP constando a data de cadastramento;
02. Cópia de certidão de nascimento/casamento;
03. Cópia de comprovante de residência com endereço atual;
04. Cópia do título de eleitor/ quitação eleitoral;
05. Cópia do comprovante de reservista (homem);
06. Cópia do Diploma e Histórico da Licenciatura para a qual foi aprovado(a).
Após a análise da documentação, os aprovados devem ser empossados nos cargos.
Confira a relação dos aprovados:

Diretor do DER fala sobre início das obras na Ponte Simplício Dias

O diretor geral do Departamento Estadual de Estradas e Rodagem – DER, Castro Neto, falou de algumas prioridades do órgão e disse que a Ponte Simplício dias é uma delas. Ele anunciou para os próximos dias, o início das obras no local, que tem grande relevância para o município e liga as cidades de Parnaíba a Ilha Grande.
De acordo com o diretor, o governador Wellington Dias já cobrou a obra várias vezes. “Foi feita uma licitação, já contratamos a firma e estamos nos trâmites jurídicos finais. Nos próximos dez dias, daremos a ordem de serviço para as obras na ponte. Os serviços estão orçamos em R$ 4,5 milhões”.
Castro Neto disse que será feita a parte de reforma, uma revitalização da ponte, pois já está bastante antiga e deteriorada. “É um pedido antigo da população, que vai ser atendido agora”.
Quanto ao tráfego durante as obras, o diretor do DER, disse que trata-se de uma preocupação pertinente, pois toda obra interna em uma cidade prejudica o trânsito de pessoas. “Essa vai ser de uma maneira que não prejudique, se tiver que interditar, interdita uma parte para não prejudicar a população e se houver necessidade da completa interdição, a construtora tem que avisar e dar um prazo para que isso seja feito da melhor forma possível para que não tenha problema para as pessoas”.

Quanto ao prazo para o término das obras, Castro Neto diz que a expectativa é que seja finalizada ainda em 2017.


Por Tacyane Machado

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Florentino Neto autoriza início das obras do Centro de Reabilitação de Parnaíba

Resultado de imagem para secretario florentino netoO secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, autoriza ordem serviço para construção do Centro Especializado em Reabilitação – CER IV, em Parnaíba. A obra está orçada em cerca de R$5 milhões, tendo como fonte de recursos o Ministério da Saúde e Tesouro Estadual.  A solenidade vai ocorrer na segunda, 3, com a presença secretária de Estado da Educação, a deputada federal Rejane Dias, que destinou emenda parlamentar para a obra,  e do secretário de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência, Mauro Eduardo.

O CER IV vai ofertar atendimento em quatro modalidades de reabilitação: visual, física, intelectual e auditiva. Um serviço especializado, que possui poucas unidades habilitadas no Brasil, sendo a primeira unidade no território da Planície Litorânea.

A unidade terá capacidade de atendimento para, no mínimo, 700 usuários por mês, nas quatro reabilitações, com a realização de diagnóstico, avaliação, orientação, estimulação precoce e atendimento especializado em reabilitação, concessão, adaptação e manutenção de tecnologia assistiva, constituindo-se em referência para a Rede de atenção a saúde no território. 

Para o acesso ao serviço, o paciente será regulado pela Central Estadual de Regulação da Assistência à Saúde (CERAS) que receberá os encaminhamentos dos municípios.

A equipe será formada por aproximadamente 30 profissionais da área de saúde, como médicos, em diversas especialidades, além de fonoaudiólogo, psicólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, enfermeiro. 

Convite
Data: 3 de julho – 8h30
Local: Rua Mira Rios, com rua “D” e Fausto Basto – Bairro: São Vicente de Paula
Parnaíba – Piauí

BURITI DOS LOPES: Prefeito Junior Percy anuncia abastecimento de água para comunidade São Domingos

Uma das necessidades essenciais de uma comunidade é o acesso a água de qualidade! É por isso, que no último final de semana, o prefeito de Buriti dos Lopes, Junior Percy, acompanhado do vice-prefeito, Jarbas Fortes, participaram de uma reunião com os moradores da comunidade São Domingos, localizada na zona rural do município, onde foram tratados assuntos de relevância para os moradores, entre eles, abastecimento de água.

Durante a reunião, Júnior Percy ouviu membros da associação de moradores e conversou com algumas pessoas. A presidente da associação falou das dificuldades que a comunidade enfrenta e pediu ajuda ao gestor.

Segundo ela, um dos maiores problemas é a falta de água. O gestor lamentou o problema e garantiu que vai lutar para solucionar o problema. Em parceria com a Funasa, a Prefeitura de Buriti dos Lopes deverá investir quase meio milhão de reais na comunidade.



O prefeito falou que será implantado uma Estação de Tratamento de Água – ETA e também serão instaladas duas bombas para capitação da água do rio. Serão mais de 5 km de rede de distribuição de água.

O secretário de agricultura, Jefferson Chaves, o vereador Damdim, a presidente da Câmara de Vereadores, Jaqueline Brito e a secretária de saúde, Luda Percy também estiveram presentes na reunião.

O gestor reforçou seu compromisso com os moradores e disse que vai exigir celeridade, para que os populares sejam beneficiados o mais breve possível. 
“Essa situação é delicada e por isso estamos agindo com compromisso e dedicação para garantir que essas pessoas sejam assistidas com o serviço de água tratada, que é essencial para a saúde e bem-estar dos moradores dessa região”, disse Percy.


Fonte: Ascom

Whatsapp deixará de funcionar em celulares antigos nesta sexta

O WhatsApp deixará de funcionar em diversos modelos de aparelhos celulares em 30 de junho. Os usuários que não substituíram os seus aparelhos, ou não conseguiram instalar atualizações do sistema operacional perderão o acesso ao mensageiro.

Essa medida já havia sido anunciada no final de 2016 e nessa sexta-feira atingirá os proprietários das seguintes plataformas: 
- BlackBerry OS e BlackBerry 10
- Nokia S40
- Nokia Symbian S60
- Android 2.1 e Android 2.2
- Windows Phone 7
- iPhone 3GS/iOS 6
Se o seu smartphone está nessa lista, existem bons aplicativos alternativos que podem substituir o WhatsApp, confira. 

ICQ
É um dos programas de troca de mensagens mais antigo da internet - ele Já foi o mais popular entre os internautas que utilizavam o PC para conversar. Atualmente oferece suporte ao maior número de plataformas de dispositivos móveis, estando disponível nativamente para Android, iOS, Windows Phone, Windows Mobile, Blackberry, Bada e aparelhos que ofereçam suporte a aplicativos desenvolvidos em Java. Na ausência de compatibilidade com a plataforma, o serviço também oferece uma versão online que pode ser acessada diretamente pelo navegador de internet. 
LINE
É um mensageiro repleto de personalizações. São mais de 250 skins e emoticons, além de ser possível adicionar games e filtros para o tratamento de imagens. Alguns recursos extras são vendidos como aplicativos e os preços são em torno de U$ 2. Ele oferece suporte as principais plataformas para dispositivos móveis, e também é possível instalar o serviço no PC com Windows e no Mac. O bate-papo em grupo permite até 100 participantes simultâneos. O aplicativo possui a função “Shake it!” e, com ela, basta chacoalhar próximo de outro usuário para adicionar um novo contato ou se preferir, também é possível adicionar através da leitura de um QR Code.
WeChat
É um aplicativo muito popular na China para troca de mensagens de texto, imagens e realizar chamadas de voz e vídeo. O WeChat possui mais de 900 milhões de usuários ativos e suporta telefones Android, iPhone, BlackBerry, Windows Phone e Symbian.
Viber
É mais uma excelente alternativa, em que o aplicativo tem o comportamento semelhante ao de um telefone celular. Permite a realização de chamadas usando a rede Wi-Fi e 3G, envio de mensagens de texto, chat, aviso de chamadas não atendidas.
eBuddyXMS 
É um aplicativo criado em 2013 que oferece uma plataforma completa de recursos para a troca de mensagens, envio de imagens, emoticons, vídeos, compartilhar a localização. O eBuddyXMS incorpora uma Enquete interativa em Mensagens de Grupo que os membros podem contribuir para uma contagem final nas decisões. 
Todos os aplicativos sugeridos também podem ser instalados nos celulares novos, e vale salientar que o melhor app para a troca de mensagens será aquele que o leitor tiver o maior número de amigos usando. 
Fonte: G1

I Feira de Engenharia e Tecnologia será realizada no Parnaíba Shopping


Nos dias 30 de junho e 1º de julho, das 10h às 22h, acontece na praça de eventos do Parnaíba Shopping, a I Feira de Engenharia e Tecnologia do CREA JR-PI/Parnaíba. O evento tem como objetivo divulgar os cursos de Engenharia que existem na cidade e a sua importância para a sociedade, bem como atrair novos alunos para os cursos.

Os alunos dos cursos de Engenharia Agronômica, Civil, de Pesca e Técnico em Edificações das mais diversas instituições de Ensino Superior de Parnaíba, estarão fazendo uma exposição de seus projetos e contando suas experiências sobre os cursos. Explicando para o público em geral como funcionam, a sua importância para a comunidade parnaibana e a forma como podem contribuir com o crescimento e desenvolvimento da cidade.
A Feira já acontece há mais de dez anos em Teresina e o CREA JR-PI núcleo Parnaíba está levando pela primeira vez a Parnaíba, mas já pretende colocar o evento no calendário anual da cidade.
 O CreaJr-PI é um programa criado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí – Crea-PI com o intuito de aproximar os estudantes das áreas de Engenharia e Agronomia da realidade profissional. Por meio de uma inter-relação participativa entre o Conselho e a academia, ele colabora com a formação profissional, conscientizando o estudante quanto ao papel profissional junto à sociedade, incentivando-o ao exercício ético e responsável da profissão e facilitando a aproximação com a dinâmica do exercício profissional.

quarta-feira, 28 de junho de 2017

DEPOIMENTO SOBRE JOSÉ GUIMARÃES CASTELLO BRANCO


Por Alcenor Candeira Filho

Conheci o primo José Castello em 1954, quando ele, contando dois anos de idade, visitou Parnaíba em companhia dos pais e irmã, todos hóspedes de meus avós paternos e de minha mãe.
     Conservo até hoje fotografias batidas nessa viagem. Mostrei-lhas quando ele visitou novamente Parnaíba em 2008, já na condição de jornalista e escritor consagrado nacionalmente,  com o propósito de colher informações e vivenciar emoções a partir do passado de  seu pai José Ribamar Castello Branco, que aqui morou na mocidade e que é personagem central do livro que estava escrevendo – RIBAMAR, com que viria a ganhar o prêmio Jabuti de 2011 na categoria de romance.
     RIBAMAR é uma fusão de ficção e de memórias biográficas que focaliza o conturbado relacionamento entre pai e  filho.
     Uma das fotos mostradas a José Castelo e na qual aparecem o futuro escritor, seu pai, sua mãe e sua irmã é tão reveladora que foi evidenciada no livro. Examinando atentamente o velho retrato, o escritor descobre que já existia ali o conflito entre pai e filho:

                                           “A fotografia está fosca, as cores fraquejam, as imagens
                                  se dissolvem. Ainda assim,  ela lateja em minhas mãos. Emite
                                  outro tipo de luz: aquela em que o passado resiste, como  um
                                    destino.
                                                Aos dois anos de idade, magro e desconfiado, já sou o
                                   estranho que você conheceu e de quem se afastou. Está tudo
                                   ali,  para que  mais? Para que escrever um livro?”(p. 163/164).

     Essa penosa busca de reconciliação por meio de um mergulho no passado do falecido pai é que levou José Castello a voltar a Parnaíba, trazendo o “projeto insano” de recuperar o passado do pai, “uma loucura, uma estupidez, um livro” (p. 47), não um livro “sobre” o pai, mas um livro “através” do pai (p. 136).
     A falta de sintonia entre pai e filho, principal fio condutor da narrativa, já existia entre pai e avô do autor, Lívio Ferreira Castelo Branco, apontado no romance como intelectual  medíocre não só pelo neto escritor mas também pelo próprio filho Ribamar, que declara ao entregar a José Castello um velho caderno com poemas publicados na imprensa de Parnaíba nos anos 20: “São bobagens de meu pai. Por mim, vão para o lixo”(p.119).
     Quer dizer, o autor se vê de repente diante de uma herança maldita, “diante de uma duplicação. Mais uma.  Um segundo abismo, agora entre você e seu pai, repete o desfiladeiro que nos separa. Um destino grafado no sangue, uma herança genética – algo de que não conseguimos escapar” (p. 119).
     Desconhecendo o fato acima, aqui em Parnaíba mostrei a José Castello uns poemas de seu avô, e ele de forma direta, curta e grossa como se diz no Piauí: “Péssimo poeta, já sabia disso desde criança, quando meu pai me entregou velhos papéis com poemas do vovô Lívio, com a recomendação de que os jogasse no lixo”.
     O duro e azedo julgamento do neto sobre os escritos do avô paterno se manifesta ostensivamente em várias páginas do livro:

                                           “Não me interesso pelos sonetos de meu avô, pomposos,
                                    com rimas odiosas, estúpidas exaltações de civismo. Um deles se
                                    chama ‘Progressos’, mas a linguagem do passado destrói tudo”
                                    (p.120).

                                               “Dois pseudônimos: João do Mato e Sabino Ferreira.
                                               Dois mantos que meu avô (...) usou para se esconder. Suas
                                       crônicas na imprensa, assinadas com os nomes falsos eram
                                       medíocres” (p. 267).

     Essa história de pseudônimos usados pelo avô do romancista não é ficção, como prova o ALMANAQUE DA PARNAÍBA de 1929, que registra o falecimento de Lívio em 05.02.1929 durante um baile de carnaval no Cassino 24 de Janeiro e traça-lhe o perfil moral, político e intelectual, ressaltando ter sido ele “como literato, um poeta espontâneo  e gracioso, que com os apelativos de João do Mato e Sabino Ferreira deixou crônicas que marcaram época no nosso meio intelectual”.
     Confesso que as opiniões críticas apresentadas no romance RIBAMAR, embora sinceras e verdadeiras, me fizeram ter pena de meu bisavô, que sempre considerei um poeta tolerável para leitores de boa vontade e que indiquei para patrono da cadeira nº 28 da Academia Parnaibana de Letras.
     Algumas pessoas da família Castelo Branco não gostaram do premiado romance, achando-o amargo e ofensivo ao pai do autor e à família. Atribuo esse julgamento, com o qual não concordo por entender que das 278 páginas do livro o personagem central sai é engrandecido,  a uma impressão apressada e superficial de leitura.
     Também foi vítima desse mal entendido familiar o publicitário e escritor Renato Pires Castelo Branco por causa de seu romance TEODORO BICANCA, em que se confundiu um tipo sociológico genérico, o Coronel, fruto de um quadro histórico, com a pessoa de seu tio – coronel Belarmino Pires.
     No Salão do Livro do Piauí – SALIPI, em 2011 ou 2012, fui a Teresina para ouvir a palestra de José Castello sobre o romance RIBAMAR. Após a palestra e com a palavra dirigi-me ao palestrante não com uma pergunta como seria natural, mas com um depoimento que talvez naquele momento só eu pudesse dar entre os presentes. Reportei-me ao fato de que alguns membros da família Castelo Branco detestaram o romance. E como parente e sobretudo por ter conhecido pai e filho, concluí: “Acho que RIBAMAR é o tipo de romance de que eu como pai e personagem muito me orgulharia”.
     No livro INVENTÁRIO DAS SOMBRAS, José Castello conta que no Rio de Janeiro, novembro de 1974, vinte e três anos de idade, enviou um conto para Clarice Lispector, com endereço e telefone juntos na esperança de que ela viesse a retornar. Passado um bom tempo de silêncio, eis que “o telefone toca e uma voz arranhada, grave, se identifica: ‘Clarrrice Lispectorrr’, diz. Ela entra logo no assunto: ‘Estou ligando para falar de  teu conto’, continua )...) ‘Só tenho uma coisa para dizer: você é um homem muito medrrroso (...). E com medo ninguém consegue escrever’” (p. 19). Que grande conselho!
     É provável que RIBAMAR seja o tipo de livro de ficção que Clarice Lispector gostaria que José Castello escrevesse. Nele ou através dele percebe-se que  o autor realizou uma grande obra porque a escreveu após libertar-se das amarras do medo a que se refere a autora de LAÇOS DE FAMÍLIA.
     A exemplo de Mário de Andrade, que, à falta de melhor classificação para a extraordinária obra MACUNAÍMA, chamou-a de rapsódia. José Castello classifica seu livro como romance, “porque não sei o que ele é”, conforme declarou na dedicatória do exemplar a mim destinado. Transcrevo toda a dedicatória por ser bastante esclarecedora do que pensa o escritor sobre a própria obra em que trabalhou exaustivamente durante quatro anos:

                                      Querido Alcenor,
                                      Curitiba, 15-set.-10
                                       Vai aqui o livro que consegui escrever. Não procure  a
                           verdade nele, porque ela só aparece de forma esmaecida.
                                        Não é uma biografia, n]ao é um ensaio, não é uma
                            confissão, não é um livro de viagens.
                                        Eu o chamo de ‘romance’ porque não sei o que ele é.
                                        Você aparece escondido na figura do tio Antônio.
                                        Minha gratidão.
                                             José Castello”

     RIBAMAR é uma obra fortemente influenciada pelo escritor tcheco Franz Kafka, como se vê nas páginas iniciais: “Meu mal tem uma origem precisa: sou obcecado por Franz Kafka. Não que eu o inveje ou deseje ser como ele. Também não o odeio e, com algum esforço, reconheço sua grandeza. Meu problema é que não consigo parar de pensar em Kafka” )p.11).
     O livro de Kafka tão presente no romance não é o mais  famoso dos que escreveu – METAMORFOSE – mas talvez o mais profundo de todos – CARTA AO PAI – que Ribamar no Dia dos Pais do ano de 1973 recebeu com esta dedicatória: “Para o  papai com um beijo e o amor do filho José” (p.21).
     Assim como o pai do genial escritor tcheco jamais leu a  CARTA AO PAI, “livro que,  refém do medo, Franz preferiu entregar à mãe, Julie, e não ao pai” (p. 22/23), também o exemplar dessa carta adquirida por acaso numa papelaria de Copacabana e dado pelo filho ao pai no Dia dos Pais nunca foi lida, tendo sido encontrada muito tempo depois num sebo do Rio de Janeiro.
     E como as cartas que não chegam a seu destino são as “que se perpetuam” (p. 276), na hora de deixar Parnaíba e de fechar as malas, pagar a conta do hotel e voltar para casa, o escritor fecha o grande romance:

                                  “Antes de pegar a estrada, preciso passar no correio.
                                             Tenho uma carta a despachar. Esta carta, a você, meu pai.
                                 A atendente me olha perplexa: ‘Falta o endereço’.
                                   Eu respondo: ‘Ponha aí um destino qualquer’” (p. 278).

     José Castello, carioca, radicado em Curitiba, é crítico literário, biógrafo, jornalista e romancista. Como cronista já trabalhou em diversos jornais e revistas: O Globo, O Estado de São Paulo, Isto É, Veja , etc..
     Autor de vários livros, destacando-se RIBAMAR, VINÍCIUS DE MORAES: O POETA DA PAIXÃO: UMA BIOGRAFIA, INVENTÁRIO DAS SOMBRAS, DENTRO DE MIM NUNGUÉM ENTRA, NA COBERTURA DE RUBEM BRAGA, A LITERATURA NA POLTRONA.                       
                                                                                                                                                                         

                                   

Parnaíba sediará o I Encontro do Fórum Estadual de ONG AIDS Piauí

Com o tema: “Reorganizar e planejar: Fortalecendo os movimentos sociais, a cidade de Parnaíba, sediará entre os dias 01 e 02 de julho o I Encontro do Fórum Estadual de ONG AIDS Piauí, com o propósito de avaliar e planejar as ações das organizações filiadas ao Fórum e também a rearticulação dos movimentos que atuam na luta contra a proliferação das IST/ HIV/ AIDS.

Ao todo, estão sendo esperados na realização do evento, em torno de 30 participantes das mais de 20 instituições que compõem o Fórum piauiense, o mesmo está sendo organizado pelo Grupo GUARÁ, ONG LGBT local e pela coordenação do Fórum com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde, do SINTE, e do Conselho Estadual de Saúde, confira a programação a seguir:


Dia 01/07/2017
12:00 h. Almoço
14:30 h. Mesa de Abertura com convidados
15:30 h. Painel de Abertura: Apresentação do perfil estadual de infecção pelas IST/ HIV
 Karina Amorim: Programa Estadual de IST/ AIDS – SESAPI
 Nelson Muniz: Programa Estadual de IST/ AIDS – SESAPI

16:30 Coffe break

17:00 h. Análise e conjuntura dos desafios e conquistas do Movimento LGBT e Movimento AIDS piauiense: uma ótica sobre os direitos humanos
Marinalva Santana (Grupo MATIZES)
Raimundo Poty (Fórum Estadual de ONG AIDS, RNP+)

19:00 h. Jantar

                                          Dia 02/07/2017

8:00 h. Café
9:00 h. Repensando as estratégias de fazer o controle social
Jurandir Teles: Fórum Baiano ONG/ AIDS

10:30 h. Diálogos sobre o fortalecimento do movimento LGBT e Fórum ONG AIDS do Piauí.
Monik Alves: ATRAPI
Doté Tiago: RENAFRO
Rondinely Santos: CESPI

12:00 h. Almoço

13:30 h. Apresentação de Regimento para o Fórum, leitura e aprovação; Escolher Diretoria para o Fórum e elegê-la; escrever Ata do Encontro, recadastramento das instituições ao Fórum e direcionamento das discussões do ERONG

16:00 h. Encerramento

Informações: wellington Araujo, 86 995217956 99841 3751 wellington_phb@hotmail.com

ACAMPAMENTO DE FÉRIAS PARA JOVENS SHALOM

ACAMP'S
ACAMPAMENTO DE FÉRIAS PARA JOVENS
13 a 16 de Julho  Em Esperantina -PI
LAZER , ESPORTES RADICAIS, PISCINA, GINCANA, 
ESPIRITUALIDADE, EXPERIÊNCIA COM A MISERICÓRDIA DE DEUS E MUITO MAIS...
INFORMAÇÕES: 86 99910-8565 (WHATSAPP)
Realização: Comunidade Católica Shalom

Balada das Divas: especial Britney Spears

Presidente da Caixa libera R$ 600 milhões e governador comemora; assista vídeo

Ao lado do governador Wellington Dias (PT) e do senador Ciro Nogueira (PP), o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, em Brasília, liberou o empréstimo no valor de R$ 600 milhões para o governo do Estado. 
Neste momento de corte de recursos, o empréstimo será destinado para investimentos em obras no Estado. 
Os recursos fazem parte do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (FINISA) e serão destinados a projetos prioritários como a conclusão de obras estruturantes e a construção de estradas e pontes nos municípios.
O governador Wellington Dias comemorou a assinatura do contrato e disse que o recurso ajudará também na geração de emprego. Wellington Dias agradeceu o empenho do senador Ciro e da bancada federal. 
O Governo está em processo de negociação com o Caixa para a concessão de mais R$ 350 milhões, que vai totalizar R$ 915 milhões para investimentos.
“A obtenção desses recursos é fundamental para impulsionar nossa economia, a partir da execução de projetos de infraestrutura, com resultados em todas as áreas e que vão beneficiar as famílias em todo o estado”, disse Ciro ao agradecer o presidente da Caixa pela agilidade no atendimento ao pedido.
 "Esse empréstimo vai ajudar muito nosso estado. Só temos a agradecer ao presidente Occhi pela atenção ao povo piauiense", destacou o senador. O governador Wellington Dias também comemorou o contrato e ressaltou o empenho de Ciro e da bancada federal para a obtenção dos recursos.

Buriti dos Lopes: Júnior Percy visita Bairro Acampamento e anuncia obras

O prefeito de Buriti dos Lopes, Júnior Percy, os secretários Jefferson Chaves e Neto Alves, visitaram o Bairro Acampamento e conversaram com os moradores da comunidade. O gestor falou de seus projetos na área de mobilidade urbana e anunciou a retomada da obra de pavimentação poliédrica da comunidade. Uma das ruas que será beneficiada é a Rua Tancredo Neves. No local, os moradores demonstraram felicidade e agradeceram a ação do gestor.
“Nossa ideia é contemplar outras comunidades e melhorar a mobilidade urbana da cidade, oferecendo serviços de qualidade aos moradores. Estamos trabalhando arduamente para garantir que esse serviço seja executado com celeridade e qualidade”, disse o prefeito.  

No bairro, os moradores agradecem as ações já executadas pela atual administração. “Eu creio que estamos vivendo em uma nova era, o atual prefeito tem mostrado respeito e compromisso conosco. Essa pavimentação além de melhorar a mobilidade, irá proporcionar bem-estar dos que moram e trafegam por aqui”, disse uma moradora.

Fonte: Ascom

Sindicato dos Músicos convoca categoria para reunião com Ministério Público

O Sindicato dos Músicos Profissionais do Estado do Piauí – Sindmusicos/PI, polo Parnaíba, realizará na tarde desta quarta-feira às 16h, no auditório da OAB, reunião para tratar sobre o descumprimento da Lei Municipal nº 2.277 de 31 de outubro de 2006, que estabelece obrigatoriedade de apresentação de bandas locais em shows realizados no município de Parnaíba.
A reunião contará com o representante do sindicato em Parnaíba, o músico Ronaldo Gomes, além da presença do promotor de Justiça Antenor Filgueiras Lôbo Neto, que ouvirá as reivindicações da categoria, para que posteriormente sejam tomadas as devidas providências legais.

Por Tacyane Machado

terça-feira, 27 de junho de 2017

OPINIÃO: O São João da Parnaíba deu lugar ao São João do "Pão e Circo"

SÃO JOÃO DA PARNAIBA DE 2015
Quem for ao Quadrilhodromo hoje vai notar a diferença e sentir saudade de quando tínhamos um São João do tamanho da grandeza da cultura de nossa Parnaíba. 
"Dói na vista" ver a estrutura de arquibancadas e barracas. A desorganização na seleção das barracas atrapalhou os vendedores de comidas, de artesanatos e ambulantes em geral. As praças de alimentação ficaram apenas na lembrança.
Os músicos da terra foram boicotados, muitos deles perseguidos politicamente.
O São João da Parnaíba deu lugar ao São João do Pão e Circo.
Está se acabando tudo!

Governo do Piauí e UFPI firmam parceria e Parnaíba ganhará uma nova Policlínica

Nesta terça-feira (27/06), o secretário estadual de saúde, Florentino Neto, juntamente com o reitor da Universidade Federal do Piauí - UFPI, Dr. Arimateia Dantas e o diretor do campus da UFPI de Parnaíba, Alex Marinho, firmaram uma parceria entre o Governo do Estado do Piauí e a Universidade Federal para a implantação de uma policlínica para Parnaíba.  
A UFPI cederá as instalações físicas, onde atualmente funciona o curso de Medicina, e a Saúde entra com aporte financeiro para a readequação da estrutura e aquisição de equipamentos.

A policlínica possibilitará além de atendimento a população, ao usuário do SUS, em várias especialidades médicas, servirá também como campo de estágio para o curso de medicina da UFPI. Essa integração cada vez maior dos nossos serviços de saúde na cidade de Parnaíba, integrando os serviços da futura policlínica, com os serviços prestados do HEDA, e a UFPI, só reforça a importância do município como polo de saúde.

Fonte: Secom

RAPIDINHAS

 Pergunta que não quer calar, qual o valor da emenda da deputada Juliana Falcão para o São João da Parnaíba?
- ATENÇÃO, MINISTÉRIO PÚBLICO! Tendo em vista as eleições de 2018, pode a deputada Juliana Falcão figurar no material de divulgação de um evento público?

- Músicos de Parnaíba estão revoltados! O São João na Mandu Ladino não contará com artistas da cidade! Não era pra ser assim, mas o que esperar de alguém que não valoriza nem sua própria classe?

- O Secretario de Transporte do Estado, Guilhermano Pires esteve no município de Ilha Grande, onde foi recebido pelo prefeito Herbert Silva. Estes visitaram o Porto dos Tatus, obra que deve iniciar nos próximos dias. A empresa já foi contrata para o início dos serviços. Esta será mais uma obra de desenvolvimento do Turismo do governo Wellington Dias.

- O prefeito de Luís Correia, Kim do Caranguejo precisa ficar de olho em alguns membros de sua administração. Além de serem enrolados com a justiça, não agregam em nada ao seu governo.

- E agora, José?! O negócio não tá nada bom para o ex-governador! Ministério Público está na cola do suposto esquema de corrupção no Instituto de Desenvolvimento do Piauí, o IDEPI, no governo Zé Filho.


- A dúvida ficou! Porque o secretário municipal da fazenda, Gil Borges ainda não devolveu as diárias recebidas por ele? Enquanto estava empenhado o valor, o gestor da fazenda participou de sessão da Câmara Municipal! “Devolva, seu Gil”!

- Nunca se viu tanta desorganização em tão pouco tempo! A saúde pública do município pede socorro! Falta tudo nas Unidades Básica de Saúde, desde os materiais mais simples, como os de uso para curativos, como medicamentos essenciais para tratamentos de enfermidades.

Extraparnaiba

Bebedouro de escola municipal está quebrado e alunos sofrem com sede há mais de quatro meses

Estudantes da Municipal Lozinha Bezerra, localizada no conjunto Joaz Souza, estão sofrendo há mais de quatro meses com a falta de água para consumo, devido o único bebedouro está quebrado.  

A mãe de uma aluna, de apenas seis anos de idade, relatou que a situação é ruim e as crianças passam o turno com sede.
A direção da escola e a Secretaria de Educação já foram informados sobre o problema, mas nenhuma providencia foi tomada para resolver o sofrimento dos alunos de educação infantil que não tem água para beber na escola.






Prefeitura de Parnaíba “descarta” músicos parnaibanos da programação do São João da Parnaíba

Músicos e produtores culturais usaram a rede social Facebook para demonstrar a indignação quanto à programação do XVIII Arraial São João da Parnaíba. A Prefeitura anunciou as atrações que deverão se apresentar no palco principal da Praça Mandu Ladino entre os dias 27 e 30 de junho do corrente ano. A revolta diz respeito à exclusão de artistas parnaibanos dentro da programação.
Imagem: Tacyane Machado/ Praça Mandu Ladino em 2016
A Lei Municipal nº 2.277 de 31 de outubro de 2006, estabelece obrigatoriedade de apresentação de bandas locais em shows realizados no município de Parnaíba. Oparágrafo único do Art. 2º dessa Lei dispõe que, a não contratação de artista local para o evento no município pode ensejar no cancelamento do evento. Porém, a programação divulgada demonstra um total descumprimento à lei.

Um produtor cultural do município demonstrou descontentamento e apresentou números em sua rede social. Confira o desabafo:

Além disso, outros como uma artista parnaibana também falou sobre a desvalorização quanto a categoria e disse que os motivos pela sua não contratação trata-se de perseguição política.

O fato também foi denunciado por outras pessoas nas redes sociais que questionaram o porquê dos parnaibanos terem sido esquecidos nesse festival junino. 
A falta de valorização dos artistas locais não foi por falta de dinheiro, já que outras bandas receberão valores bem acima dos cachês cobrados pelos músicos da cidade. No Diário Oficial da Prefeitura de Parnaíba foi publicado o Extrato de Contrato Nº 621/2017, que traz a contratação de uma empresa especializada em apresentações artísticas com bandas e grupos culturais durante o São João da Parnaíba de 2017.

Além desse, no Portal da Transparência também foi publicado o empenho de Nº 616020, que traz a contratação de bandas para a realização do XVII São João da Parnaíba 2017 no período de 27 a 30 de junho.

É curioso o fato do superintendente municipal de cultura fazer parte da classe e não buscar a valorização dos músicos da cidade. Por ser cantor, Téofilo Lima deveria priorizar os artistas e as produções parnaibanas. Mas, na realidade isso não tem acontecido. Exemplo forte foi o carnaval, onde alguns grupos ainda não receberam o cachê acertado pela gestão municipal.

Por Tacyane Machado